Wednesday, October 13, 2010

Refletindo...

Nao sei como eu fui sortuda nessa vida pra ter um homem como o Al do meu lado. E sortuda o suficiente pra acha-lo cedo nessa jornada (nos conhecemos na faculdade com uns 19 anos e estamos juntos ate hoje).

Se realmente existe alma gemea, ele eh o meu. As vezes fico aqui pensando nessas coisas, em como ele eh, como ele me trata... Sempre me enche de carinho e mimos (ele ate mesmo fala que eu sou super mimada e que ja ate estou mal acostumada, rs); Ele me faz rir e sabe me incentivar nos momentos que preciso de um empurraozinho.

Somos diferentes, mas iguais ao mesmo tempo. Temos o mesmo tipo de pensamento, ideias e crencas; sabemos respeitar a individualidade um do outro e encorajamos os sonhos um do outro. Mas somos diferentes ao ponto de como lidar com certas coisas. Eu sou impulsiva e quero as coisas pra ontem, ele ja precisa de um tempo pra pensar e ponderar a respeito (as vezes me deixa louca com isso, pois quero logo uma resposta, rs). Eu tomo riscos e normalmente faco quase tudo que me da na cabeca. Ele eh mais calmo e age com mais cautela.

Nao vou entrar em detalhes sobre tudo o que tem acontecido ultimamente com as coisas que inventei de fazer, mas posso dizer que sem ele, eu nao sei onde estaria. Sabe quando voce ate se surpreende com o amor e dedicacao da pessoa, mesmo a conhecendo por inteira? Tipo aqueles momentos que voce para tudo e se pega pensando: "Wow! O que sera que eu fiz pra merecer uma pessoa maravilhosa assim na minha vida?"

Ele eh simplesmente tudo pra mim. E aprendi ha uns anos atras a nao levar ninguem que amo "for granted" (familia ou amigos) - ou seja, ter essa pessoa ali do lado sem valoriza-la por inteiro, assumindo que ela estara ali pra sempre, deixando ela ser "engolida" pela correria do nosso dia a dia. Custei pra entender o significado dessa palavra em ingles, mas quando finalmente entendi, vi como eh importante e profunda..

Entao procuro sempre tb retornar o amor e carinho, demonstrando todo dia o quanto ele eh especial pra mim! E o quanto ele me faz feliz!

5 comments:

Luciana Håland said...

Muito bonita a história de vocês, o companheirismo e amor que você mostra sempre existir no relacionamento. Sim, vocês tiveram sorte de se encontrarem tão cedo na vida, eu só fui encontrar meu marido quando já estava com 33 anos, perdemos muito tempo.

Beijo e felicidades sempre para vocês.

Mile said...

Por tudo que vc fala da tua relaçao com Al, vcs realmente foram feitos um pro outro.

Lu Souza Brito said...

Ai que lindo Lu. E pelo que leio e vejo por aqui, você e seu marido tem uma relação muito parecida com a que eu tenho com Marcelo.
Também nos conhecemos ainda bem novos (eu com 17 e ele com 19) e partilhamos dessa cumplicidade de que fala, e áfirmo também que sou sortuda por tê-lo na minha vida.
Bjoooooos

Wilma said...

Sempre achei ter a sorte grande quem consegue ficar pra sempre com o primeiro namorado ou conhecer alguém bem cedo e ficar a vida toda feliz com áquela pessoa, é uma benção!!! Nessas horas é que acredito mesmo que só o destino é que facilitou, você e o Al é um exemplo, sortuda você, heim??

Vivi said...

Lu que super declaração de amor...O Al entende português? Ele deveria ler isso :)

Que o amor de vcs seja eterno minha amiga.

Bjokas