Thursday, April 28, 2011

Assentos de onibus

O onibus que eu pego pra ir e voltar pra casa, nao fica assim tao cheio, depende do dia. Quando fica cheio, eh o caso de todos os assentos estarem ocupados. Raramente tem gente de pe. Mas quando nao esta tao cheio, as vezes eu consigo sentar sozinha. E eu prefiro sentar sozinha.

Escrevo esse post, pois detesto quando o onibus NAO esta tao cheio e vem um cristo e TEM que sentar justamente do meu lado! Pq nao escolher outro lugar? Pq tem que ser do meu lado??? Quando eu pego onibus, eu levo uma bolsa grande com um monte de cacareco que preciso, as vezes ate sapato fino ali dentro eu teenho e ainda carrego uma outra bolsa termica na qual levo o meu almoco.

Conclusao: detesto ficar com essas coisas no meu colo se nao preciso!!! E ainda equilibrar um livro ali em cima. As vezes da vontade de ser grossa e deixar tudo ali no assento do lado e so tirar quando ver que o onibus esta ficando cheio. Talvez seja a solucao, pq PRA QUE vao sentar do meu lado se tem varios outros assentos vagos?Ai!

So um desabafo!
---------------------------------------------------

Escrevi esse post acima ha uma semana atras, mas hoje troquei o onibus que pego (tenho que trocar de acordo com o meu horario de trabalho) e um velhinho sentou do meu lado. Eu ja pensei: Pronto! Com um monte de assentos vazios, tinha que ser do meu lado, ne?

Nao tinha levado um livro pra ler como de costume entao ele comecou a conversar comigo. E como foi legal! Fiquei sabendo que ele lutou na Segunda Guerra Mundial e era piloto de jets (isso porque eu mencionei que queria tirar minha licensa de piloto ano que vem - pois eh, um assunto levou ao outro e se extendeu a ir querer pilotar um aviao) e eu ja me entusiasmei toda sabendo que ele foi piloto.

Tb fiquei sabendo que ele ja morou na California e varias outras cidades do pais e disse que na sua opiniao, Pittsburgh era o melhor lugar de se morar! Passamos por varios lugares e ele me contava a historia de certas areas, inclusive que tinha uma mansao que foi demolida ha um tempo atras numa colina por onde passo frequentemente, e eu nao tinha a minima ideia!

E falou que ele toma aulas numa universidade de Pittsburgh, mas ja que era recesso agora, ele passeava de onibus por aqui... E que ia pegar outro quando chegasse aqui no centro pra qq outro lugar e curtir a paisagem. Achei super legal e o dia esta lindo hoje, espero que ele aproveite bastante!

Eu amo historia e mais ainda, adoro saber da vida das pessoas que viveram bem antes de mim! Sempre quis poder saber da vida intima daquelas pessoas medievais (epoca que mais me fascina), mas ja que isso eh impossivel (a nao ser se deixaram diarios registrados), acho interessantissimo conversar com pessoas idosas, pois tem tanto o que contar!!! Sao tao ricos com estorias e historias e se eu pudesse, ficaria horas conversando com esse senhor.

Adorei saber um pouquinho sobre ele e quem sabe eu nao o encontre novamente no onibus amanha? Seria legal.

10 comments:

Nani said...

Hahaha, ri demais com voce pois eu tb sempre fui assim. No Brasil eu andava de onibus pra todo lugar. E eu ficava LOUCA quando alguem sentava do meu lado quando tinha outros lugares vagos. Mas em compensacao quando o onibus tava lotado e via algum velhinho ou crianca, mulher gravida entrar e nao achar lugar, eu sempre oferecia meu lugar a eles e ia em peh na boa. Adoro velhinhos Lu.
Tucson eh uma cidade que tem um fluxo maior de residentes no inverno pois lah quase nao faz frio e nao neva, entao varios idosos vao de varios Estados frios no pais morar em Tucson por 5 meses ou 6 dependendo de quao demorado eh o inverno nos Estados deles. Entao no IHOP eu sempre tinha idosos como fregueses. E como eles gostam de conversar. Adorava ouvir as estorias deles. Infelizmente eu nao podia ficar muito tempo conversando pois tinha que atender outras mesas... eles se empolgavam, e eu sempre dei ouvidos, eles adoravam tb.

Bia said...

Lu sou que nem vc, prefiro ir sentada sozinha e colocar a bolsa do lado! Mas tambem curto conversar com gente "estranha" no onibus aqui em Toronto! Um vez conversei com um velhinho que tinha vindo da California só para o festival de cinema e outra com um cara (bonitinho!) q me ajudou a achar a rua que eu procurava! A gente nunca sabe quem vai ter um papo interessante... mas até agora tive mais sorte do que azar!

bjs

Mile said...

Viu como pode ser interessante o fato de alguém sentar ao teu lado?
Eu nao gosto de ir conversando nem lendo em ônibus pq passo mal, fico tonta e com vontade de vomitar, sempre foi assim. Tenho que ir caladinha e sem me mover muito...um saco isso!
Bjoks

zzaguiar said...

Nossa, eu acho bárbaro qdo eu converso com gente interessante na rua! Tem pessoas que são tão legais. No dia d emeu Niver mesmo, estava na Ponte Rio-Niterói e um cara veio puxar assunto.

Eu estava na maior espectativa para ver a super lua, daí como o bus estava vazio, fiquei procurando o melhor lugar para um bom ângulo. Foi difícil, eu olhava, procurava e nada. o Céu estava encoberto. Daí, ele tb ficou me olhando, olhando pro céu... rsrs, nossa, eu já estava rindo sozinha! ele fazia uma cara de não estar entendendo absolutamente nada. Daí, qdo a lua apareceueu eu falei: Viva! ele riu e perguntou se eu estava contente. Daí ficou me falando sobre astronomia e foi bem divertido!

Sabe, eu adoro conversar com pessoas mais experientes (Idosos)e me senti ali junto lendo sua história! muito legal, parabéns... Rsrs, estou falando que nem Dr. armando!!!!!!!!

Beijinhos Luluzinha.

zzaguiar said...

Xiii, eu tb não posso fazer nada, a não ser conversar e de preferencia olhando pra frente, rsrs! sinto as mesmas coisas que a Mile. Ontem mesmo já ia pegando um sabonete facial que comprei para ler qdo o bus estava parado, mas foi ele andar para eu guardar. Tb me dá dor de cabeça, pq será?

Bjs, zz.

Celia said...

Lu, muitas vezes as pessoas sao sozinhas e dariam tudo pra poderem ter uma conversa com alguem. Talvez foi o caso desse senhor. Claro que as vezes, tem pessoas chatas mesmo mas...acho que é melhor da uma chance. De repente o papo é legal e a pessoa interessante. Bom fim de semana. Bj

Lucia Cintra said...

Celia, eh verdade. Mas esse senhor foi o unico ate hoje que falou comigo. Normalmente as pessoas sentam do seu lado aqui e cada um fica na sua, sabe? Ela ali e eu aqui. Nao trocamos uma palavra, por isso eu prefiro um assento vazio do meu lado pra eu espalhar minhas coisas e poder ler meu livro sossegada.

bjos

Rafaela32 said...

Oi... fiz uma conta gmail só pra entrar aqui! rrs
Eu sou a rainha da conversa no ônibus. Eu mesma puxo assunto e falo até descer. Amo conversar com deconhecidos! rsrs

Fernando Valente said...

As vezes me acontece de eu pegar alguém legal que puxa assunto. Mas já me apareceu cada um que puta merda, eu chinguei. Mas felizmente aqui em Sampa a maioria teve papo bom até agora :)

vivi said...

Eheheh nem sempre é tão ruim ter alguém ao nosso lado :)
Eu tbm sou como vc, mas como vc tbm já me surpreendi com estórias maravilhosas.
Qdo a pessoa é "chata" mesmo, dou um jeito de acabar com papo e ok, mas qdo eu sinto que o papo vai ser bom, dou a maior "corda".
Bjokas