Thursday, July 22, 2010

A formiga e a cigarra

Escrevi esse post abaixo em Maio e nao sei pq so agora estou postando ele. Se bem que tb tenho uns 10 outros posts ja escritos e guardados pra depois, sem razao nenhuma. Mas vamos ao que interessa...

Estou vivendo a fase da formiga trabalhadeira. Voces lembram da estorinha da formiga e da cigarra?

Eu ja tive a minha fase de cigarra. Alias, meus anos 20 inteiro foi fase de cigarra e sempre digo que foram os piores da minha vida. Aquela na qual voce so quer curtir a preguica, nao fazer nada e nem pensar no futuro. Enquanto isso, naquele exato momento, as formigas davam duro pra poder mais tarde colher os frutos dos seus trabalhos. E quando o "inverno" chegou, as formiguinhas estavam todas quentinhas e protegidas nos seus lares estocados com comida pra essa estacao toda, enquanto a cigarra nao tinha pra onde ir.

Me lembro muito bem desse desenho ate hoje, vou ate ver se o acho no youtube.

Quando temos um objetivo em mente, se isso realmente eh prioridade e voce quer transforma-lo em realidade, agimos pra isso. As vezes eu fico super brava comigo mesmo por ter perdido tanto tempo de minha vida sendo uma cigarra, pois ja estaria onde quero hoje em dia se fosse o contrario. Mas ficar brava e se arrepender do que nao fiz, nao me leva em lugar nenhum. O que mantenho comigo eh essa valiosa licao: perdi tempo esperando as coisas cairem do ceu sem levantar um dedo sequer pra consegui-las e isso com certeza nunca mais vai acontecer.

Nao consigo nem mesmo reler as minhas agendas daqueles anos, que me da nervoso. Minha amiga Monica releu uma delas quando esteve por aqui e quando ela foi embora, antes de coloca-la de volta na prateleira, fiquei curiosa de ver o que tinha escrito ali. Nossa! Ate escrevi de volta pra Kinha, falando: "Esse foi um dos piores anos que tive, voce tinha que pegar justamente essa agenda pra ler?" rsrsrs. Nem consegui ler tudo - a coloquei de volta no lugar, pois me da vontade de poder voltar no tempo e chacoalhar a "Lucia" daquela epoca, pra ela acordar e conseguir enxergar as coisas boas e oportunidades ao seu redor e nao desperdicar tempo. Ai, se eu pudesse fazer isso!

Hoje em dia, tudo bem que a preguica ainda bate de vez em quando, mas o que me ajuda eh focar onde quero chegar. E sabe o que me ajuda tb? Insatisfacao! Quando estou insatisfeita com algo, me sentindo presa numa situacao que ate me faz ter vontade de chorar, eu fico com mais determinacao ainda. Parece que a raiva de estar nessa situacao (na qual eu mesma me coloquei), me empurra a seguir mais rapido.

Eh aquele lance todo: Vamos dizer que voce esta participando de uma corrida nessa vida e que ve a linha de chegada ali na frente. A diferenca seria voce somente andar em sua direcao envez de correr com tudo pra receber a recompensa. E ao chegar ali, encontrara mais aventuras pela frente.

Mas voltando a formiga e a cigarra: Eu vejo as pessoas curtindo muita coisa que agora eu nao posso fazer. Alias, poder posso, mas estou focando tanto na minha destinacao que as vezes ate deixo de ficar chateada. Fiz de certas coisas prioridades e estou seguindo isso direitinho com muita diciplina. Deixo de ficar chateada por nao poder viajar nesse momento, sair pra tudo quanto eh lugar, curtir um spa ou um final de semana num resort, ter meus tao desejados cachorrinhos, etc... Tudo isso vai acontecer num futuro bem proximo e eh nisso que foco.

Trabalho como a formiguinha agora pra ter minha casa propria, ter minhas dividas eliminadas completamente ano que vem (enquanto essas outras pessoas que conheco continuarao com as delas, como ja me disseram que nem ligam - vai entender isso), poder ser dona do meu proprio nariz e trabalhar com o que amo fazer e viajar varias vezes por ano pra tudo quanto eh lugar do mundo sempre que me der na telha.

Entao as vezes que fico chateada em nao poder ter ou fazer tudo isso agora, penso na nossa linha de chegada que esta tao perto e bem visivel nesse momento. Penso na satisfacao que terei em chegar la, fecho os olhos e me deixo curtir o momento como se o estivesse realmente vivendo naquele segundo. Eh algo delicioso demais e sinceramente, espero nao viver essa fase de cigarra nunca mais, pois me atrasou muito na vida!!!!

10 comments:

Glau Nott said...

acho que nao tem problema nenhum em ser um pouco cigarra nos seus 20 (assim como eu), nao podemos esquecer tambem que somos human beings e nao human doings!!
bjo

Estudante said...

Lu, estou certa que, em pouco tempo, vc vai estar aqui contando suas vitòrias. O que náo concordo è que vc fala como estivesse no fim da vida..vc è nova e vai ter muitoooo tempo para disfrutar dos seus desejos. Ñ se culpe...beijossssss

Nanci said...

Lu, isso é verdade. Eu quando vim para a Inglaterra nao viajei como viajo agora. Morei durante tres anos em casa alugada e o meu sonho era comprar a minha casa propria, consegui um emprego e eu o meu marido compramos uma casa juntos. Nao entendo algumas pessoas que vivem de aluguel e torram o dinheiro em outras coisas tb nao. Hoje tb estou um pouco insatisfeita com o meu trabalho e ja estou começando a fazer algo que sempre quis na vida, assim como vc I want to have my own business, e estou na luta, as vezes da uma desaminada, mas tb foco no resultado final. Eu nunca fui de ficar encostada, parece uma coisa na gente, eu tinha muita vontade de crescer e progredir (hoje tb tenho uma casa no Brasil que quero vender e comprar outra ou usar o dinheiro no meu proprio negocio). Eu desanimo mas nunca desisto e como um ex-chefe meu dizia: 'A gente pode perder uma batalha mas nunca a guerra.'
Beijos

Lucia Cintra said...

Glau, concordo, mas se voce soubesse dos detalhes, talvez entenderia o que escrevi um pc melhor. Nao fiz nada nos meus anos 20, NADA, so existi! Nada em tudo quanto eh sentido, por isso escrevo esse post.

Renilse, eu nao concordo com esse tipo de pensamento que sou jovem e tenho tempo pela frente. A gente nunca sabe o dia de amanha, as coisas tem que serem feitas hoje! E acho tb que pensando assim eh que mt gente nao corre atras dos seus sonhos e deixam as coisas pra depois. Ai se dao conta um dia, bem mais tarde, que desperdicaram todo esse tempo...

Nanci, pois eh, nao desanima, nao, pois as vezes isso acontece comigo tb. Voce ja consquistou tanta coisa, acho que devemos mesmo eh focar nisso pra nos manter inspiradas a conquistar o resto. Com esse tipo de atitude, the sky is the limit!

bjos a todas.

Marisa Muros said...

Calma, calma...
No mínimo vc. aprendeu que é precisso trabalhar bastante para conseguir o que deseja, além de ter amadurecido e estar mais apta a enfrentar os desfios que aparecerem!
Provavelmente vc. simplesmente não estava pronta para isso, e agora está! Não lamente o tempo que passou, e procure lembrar de coisas boas que aconteceram naquele período...
Otimismo com pé no chão ajuda a superar tudo!
Boa sorte!!!

Lucia Cintra said...

Marisa, prazer te-la por aqui e fico super contente de voce dizer que gosta do meu cantinho. Adoro receber recadinhos carinhosos como o seu. bjos

Fernanda said...

Lu, vai compensar seu esforco. Voce esta certa de nao ficar olhando pra tras e se lamentando, pois nessa altura do campeonato suas energias tem que ser todas focalizadas nos seus objetivos.
Beijos!

Beth/Lilás said...

Web-filha,
Você se parece um pouco com meu filho, mas ele ainda está na fase de cigarra, melhorou só um pouquinho, mas o importante é o agora e você está no caminho certo, com os ponteiros indicando o rumo que tens que seguir, portanto é só não desviar o foco e ir em frente.
grande beijos cariocas

Bia said...

Ai Lu, vejo muita gente reclamando dos seus 20 anos... e espero sinceramernte estar ouvindo bem atenta a tudo isso, e pensando como formiga e não como cigarra ainda nos meus 20 e poucos. :)

E o jeito é esse mesmo, visualizar a linha de chegada e continuar correndo... logo logo a gente chega lá!

bjo

Lucia Cintra said...

Bia, mas vc esta vivendo, viajando pelo mundo, aprendendo outras linguas... Meus anos 20 foram um desperdicio! Mas pelo menos eu aprendi e hoje sei o que NAO fazer, rs... Bjos